terça-feira, 14 de março de 2017

Correio celeste

Em dias como hoje, em que o vento empurra as nuvens no céu, pego nos meus instrumentos de cálculo para verificar se ele sopra na direção correta. Se os dados me parecerem certos, escolho cuidadosamente uma nuvem, de preferência a mais macia, uma que tenha o cume com reflexos de sol, e, nas suas dobras, coloco as palavras que te quero dizer. Vejo-a depois afastar-se e confio que a reconhecerás quando ela aí chegar. Acredito que este serviço de entrega é perfeito, ou quase. Só ainda não encontrei forma de lhe acoplar um aviso de receção.

16 comentários:

Laura Ferreira disse...

talvez numa semente, Luísa?

lembrei-me de pássaros...

Mona Lisa disse...

Que ternura de texto!

Amei!

Beijinhos.

Cadinho RoCo disse...

Na leveza de tão suave lirismo eis que me percebo deslizando pelo céu. Convite para que conheça a nossa www.hellowebradio.com ... você. Vem!
Cadinho RoCo

AvoGi disse...

Vejam que coisa mais !Inda tão cheia e graça
Kis :=}

Elvira Carvalho disse...

Um texto muito bonito.
Um abraço

Célia Rangel disse...

Com tamanha leveza seu post aguçou minha imaginação... Anjos, talvez colaborassem...
Abraço.

Isabel Pires disse...

Luísa, e se fosse um moinho de papel, daqueles que as crianças fazem?

Manuel Veiga disse...

com aviso ou sem aviso,

não posso crer que uma carta assim tão, tão "ridícula" possa alguma vez ser devolvida...


Janita disse...

Vais ter que perguntar ao vento se soprou para onde querias enviar a mensagem. É ele o mandante-estafeta...lá em cima não há avisos de recepção. :)

Beatriz Souza disse...

Bem pensado, mas cuidado que as palavras molham-se ao vapor. Constipam-se. Pesam. E caem da nuvem abaixo. Mas a ideia é bonitinha.

Pedro Coimbra disse...

O texto é muito bonito e muito bem imaginado.

luisa disse...

Laura,
Podia ser. Uma semente que desse frutos. :)

Mona Lisa,
Obrigada!

CadinhoRoCo,
Obrigada pelo convite. Irei espreitar.

AvoGi,
É o doce balanço das nuvens… :)

Elvira,
Fico contente que goste. Obrigada. :)

Célia,
Acredito que sim, que os anjos ajudam o vento nesta tarefa. :)

Isabel,
Que ideia bonita a tua!

Manuel Veiga,
Falta saber se tem resposta.

Janita,
A ver se o vento vai estar de feição e me responde. :)

Beatriz,
Verdade. Mas há que correr o risco. :)

Pedro,
Muito obrigada. :)


Os olhares da Gracinha! disse...

Às tantas ... o aviso voava!
Bj e gosto

luisa disse...

Gracinha,
Quem sabe? :)

Portugalredecouvertes disse...

Eu estou a ver uma mensagem tua Luisa,
não imaginava que tinha vindo trazida por uma nuvem !
imaginava uns cabos, mas isso deve mesmo ser do século passado e ultrapassado !
sim são as nuvens que nos trazem as mensagens, com partículas cor de sol minúsculas e invisíveis
aqui vai um aviso de receção para ti!
boa noite


Angela

luisa disse...

Obrigada Ângela! Afinal isto das nuvens funciona. :))