sexta-feira, 22 de junho de 2012

Pôr as barbas de molho


Os lavabos das senhoras estavam entupidos e por isso optei por passar à porta ao lado e lavar as mãos na casa de banho dos homens. Sucede que pela disposição do WC masculino, os lavatórios estavam colocados junto à parede onde o arquiteto decidiu abrir as frestas das pequenas janelas que deixam passar a luz e o ar exterior para dentro. Vejam bem a situação, de cima para baixo: frestas de luz, espelho, lavatório. Lá fora o sol brilhava e furava intempestivamente as pequenas frestas fazendo refletir a sua luz intensa no espelho. Abro a torneira, carrego no dispensador de sabão líquido, e enquanto esfrego as mãos levanto a cabeça e olho-me ao espelho. Horror. A luz impiedosa focada no meu queixo faz brilhar uma quantidade significativa de pequenos pelos loiros cuja existência me tinha passado até então despercebida. Lembrei-me do sentimento de pena raiado de sátira que por vezes me assalta ao ver certas velhas e  mulheres de bigode e enquanto lavei as mãos, vivendo aquela dolorosa epifania, percebi que antes de nos rirmos dos outros convém que coloquemos as barbas de molho.

9 comentários:

Teté disse...

Pois é, isto de rir dos outros tem que se lhe diga. Mas vale que hoje existem maneiras de acabar com essas pelugens desnecessárias, temporária ou radicalmente! :)

Beijocas!

Lemon disse...

Pois é, mais dia menos dia eles aparecem :)

Mz disse...

Na minha aldeia existe uma senhora que tem bigode preto, um dia depilou-o e o marido teve um desgosto. A partir daí, nunca maisdepilou o bigode por amor ao marido. Estranho, mas verdadeiro.

Bjs

Briseis disse...

Ai, a luz é uma marota! Tenho a certeza que isso não está assim tão mal... =)

João Menéres disse...

Os arquitectos nem sempre fazem bem as coisas...

Obrigado pelo teu comentário no Grifo ( confundi o local da tua morada. Desculpa ).

Um beijo.

mfc disse...

Um texto delicioso cheio de uma auto crítica muito bem humorada!!
Tenho a certeza que as tuas "barbas" só foram visíveis para ti...
Beijinhos, bem humorados!

Anónimo disse...

Não percebeste!
Foste ao lavabo do homens, querias o quê?
rog

Artes à Solta disse...

Luísa, foste aos lavabos dos homens??? Sua marota...lol

´DÉ disse...

Eu nãõ acredito !
Estavas por certo na frente de um espelho de aumentar !