sábado, 11 de fevereiro de 2017

Chuva

Hoje não saberei senão falar-te da chuva oblíqua que se atravessa na frente dos meus olhos, do lado de fora da vidraça. Cai oblíqua, ora mansa, ora bravia e desliza sobre as superfícies que lhe cruzam o percurso. Um dia inteiro sem mudar de direção. Descansa, só por momentos, deixando então que se ouça o lamento das goteiras e os gritos das poças de água que os carros rasgam no asfalto. Nem rumor dos pássaros. Cá dentro há o ronronar do forno e o aroma doce do bolo de maçã que em breve estará no ponto.

11 comentários:

ana disse...

aqui é bolo de amêndoa :)

Manu disse...

Por aqui há o mesmo cenário, só falta o cheirinho do bolo de maçã, mas em contrapartida, há a lareira que crepita.

Beijinhos

Os olhares da Gracinha! disse...

Aqui não choveu nem há aroma de maçã!
Mas aceitava uma fatia...bj

Graça Sampaio disse...

So cosy!....

Majo Dutra disse...

Por aqui foi, mesmo, temporal...
Não é que também fiz guloseima de maçã?
Foram crepes recheados com maçãs escalfadas e especiarias...
Beijo ~~~~~~~~~~

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

O cheirinho do bolo de maçã chegou aqui.

bea disse...

Chuva oblíqua, a lembrar o poema de Pessoa. É um texto em contraponto de interior/exterior. Lá fora parece agreste mas só nele acontece o imperfeito silêncio de chuva apenas rasgado por goteira e pneu de automóvel. O cheiro a bolo deambula pela casa aquecida e, da janela, assiste ao banho sagrado e natural da terra.

Manel Mau-Tempo disse...

salivo... e mando mais chuva!

Rui disse...

De qualquer modo, "pintaste" um belo quadro, Luisa ! Estou a "vê-lo" à minha frente e a imaginar o movimento ! Pena não ter banda sonora para (não) ouvir os pássaros ausentes, mas que me permitisse ouvir os gritos das poças de água e o ronronar do forno !
Seria era difícil sentir o aroma do teu bolo ! :(

Beijo e passa um Bom Domingo ! :) ... Quem sabe se te permitirá pintar um outro quadro ?! :)

Gaja Maria disse...

Nada como a casa a cheirar a bolos em dia de chuva. A terra tem-me dado laranjas e eu fiz uma torta das mesmas :)

Ana Freire disse...

Adorei este dia de chuva, brilhantemente traduzido em palavras, por aqui... com aroma de bolo de maçã...
Beijinhos
Ana