terça-feira, 26 de maio de 2015

A andorinha

Há uma andorinha solitária que vem dormir todas as noites no rebordo da trave que segura o telheiro onde ponho a roupa a secar. É já noite, por vezes ainda lusco-fusco, quando vou estender a roupa. O sensor dá por mim e todo o espaço do telheiro se ilumina com a luz crua da lâmpada fluorescente. Já dorme, a andorinha. A luz parece não incomodá-la. Nem uma pena se move. Já a vejo há várias noites. Está sempre pousada no mesmo local da trave. Parece fazer uma escolha milimétrica daquele sítio. Não tem ali ninho. Não traz companhia. Só vem passar a noite. 

14 comentários:

Daniel C.da Silva (Lobinho) disse...

No mínimo, ternurento :)

papoila disse...

Ela lá sabe porquê!
Também acho ternurenta a imagem.
xx

Tétisq disse...

Quando eu era pequenina as andorinhas eram tantas que pareciam uma praga nos beirais. Agora, sinto-lhes falta :)

Pedro Coimbra disse...

A zona de conforto que o animal escolheu claramente

Rui Espírito Santo disse...

Onde terminará a irracionalidade e começará a racionalidade (inteligêngia) dos "ditos irracionais" ?

Teté disse...

Será que é uma andorinha com problemas conjugais? Mas pronto, importante é que encontrou um cantinho onde se sente bem... :)

Beijocas

jorge esteves disse...

Talvez não; talvez, à cautela, esteja a tentear o lugar onde cuida instalar nova família...

jorge

Arco-Iris e Meu Velho Baú disse...

Que ternura.....

Ricardo Santos disse...

As eternas andorinhas que fizeram de mim feliz na infância, ora contemplando-as, ora gravando o seu canto e depois reproduzindo-o, para elas virem poisar no parapeito da janela, ouvirem-se, e refilarem com elas próprias !

Benó disse...

Certamente enviuvou ou é uma andorinha solteira, Pois como acasalam para a vida, deve estar numa destas situações. Oxalá encontre par, rapidamente, para que haja descendentes. Fazem falta passarinhos.

Benó disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
MARILENE disse...

Que doce! Deve encontrar ali a paz procurada. Bjs.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Em minha casa é mais pombos. Agora deu-lhes para fazerem ninhos nas plantas que tenho na varanda. Ontem acordei e tinha um vaso decorado com ovos!

heretico disse...

está a fazer o "reconhecimento"
e já percebeu que foi "adoptada"...

o parceiro está a chegar. e o ninho...
e os filhotes...

beijo