quarta-feira, 24 de março de 2010

Remar contra a maré ou a missão Impossível


Desenganem-se. Eu não percebo nada de fotografia. Mas não resisto a uma notícia desta natureza: saber que uma dúzia de antigos trabalhadores de uma fábrica falida da Polaroid, na Holanda, resolveram lançar-se num projecto impossível de voltar a comercializar a famosa película instantânea e materiais afins.


É assim. Gosto de revivalismo.

1 comentário:

Helga disse...

E gostas muito bem, pois a era digital ainda tem muito que batalhar, para chegar à qualidade do analógico. Já o polaroid... não sei. Parece-me realmente um projecto arriscado. Boa sorte aos corajosos!

Bjs :)