domingo, 15 de outubro de 2017

Passeio de domingo (378)


No dia oficial para o encerramento da época balnear, por estas bandas, fui ver como decorria o fecho da praia.









17 comentários:

Catarina disse...

Praia praticamente deserta!!! Se antes seria uma tentação, hoje sentir-me-ia um pouco receosa sem muita gente por perto.
Fotos fantásticas.

bea disse...

Como sempre as suas fotos estão uma maravilha. Ontem também me despedi da praia. Pensava que o encerramento oficial já tinha ocorrido. Gosto de praias desertas, acho que as amo de coração ou ainda mais fundo. Será talvez de corpo inteiro. E alma. E tudo que me exista. Despeço-me dela meio lúgubre, no receio de não voltar. Julgo que seja a ideia de morte a invadir-me. Ou será apenas a perda. E é tão egoísta o desejo que me espanta. Porque o que eu quero é repetir o encantamento. É eu e a água. Eu, eu, eu.

AFRODITE disse...


Eu já achava isso antes... hoje posso dizer com mais certeza: isso é mesmo o paraíso!

Por contraposição dessas belas imagens, deixo-te as de Braga há uma hora atrás:
LINK

(a foto da concha "matou-me"!)
Beijinhos de fogo

Pedro Coimbra disse...

Aqui encerra oficialmente a 31 de Outubro.
Boa semana

Isa Sá disse...

Bonitas imagens!

Isabel Sá
Brilhos da Moda

Eros disse...

Gosto tanto da Falésia!

bea disse...

Ontem as visitas impediram-me de ver tv. Só hoje acordei para o hediondo dos fogos. E mais mortes. Mas o que vai ser de nós em terra ardida?! Como vamos poder crescer ou sequer segurar o pouco que nos sobra?! Há qualquer coisa de incúria de um lado e ser maléfico do outro que nos aprisiona e tolhe dentro do que é legítimo e nosso. Mais mortes terríveis. Gente a morrer queimada. Gente que perdeu tudo. Animais espavoridos e condenados, árvores a carbonizar. Assim desmorona a minha fé nos homens.

Portuguesinha disse...

Uma folha de outono seca no meio do solarengo areal de praia.
Uma imagem que contrasta com tudo e que me impressionou.

Eu ainda quero esse sol e calor, pois aqui não tive nada disso.
Se houvesse uma passagem bem barata de avião, lá ia eu.

luisa disse...

Catarina,
Esta é uma praia de enorme extensão e ainda havia pessoas suficientes. Mas mesmo deserta não há que recear. :)

Bea,
No Algarve, particularmente no concelho de Albufeira, a época balnear vais de maio a outubro. Foi ontem o último dia oficial da época e na maior parte das concessões recolheu-se o material (espreguiçadeiras, toldos, passadeiras de madeira…). Fora essa questão, a praia continua a poder ser vivida, nomeadamente para passeios, com as devidas precauções em caso de mau tempo, claro.
Ainda vi algumas notícias ontem, sobre os incêndios, mas não imaginava a proporção que tomariam.

Afrodite,
O mar estava um pouco agitado (bandeira amarela) mas a temperatura do ar e da água estavam incríveis. O passeio com a maré baixa foi extremamente agradável.
Lamento é a tragédia dos incêndios que afetou o norte e o centro. Um desespero. Caramba, não conseguiremos dar a volta a isto?

Pedro,
E quando começa?

Isa,
Obrigada!

Eros,
Isso é bom gosto. :)

Portuguesinha,
Temos tido tanto calor e tanta desgraça associada ao calor e seca extrema que já só ansiamos por chuva e tempo mais fresco.

Gaja Maria disse...

Maravilhoso, quem me dera ter estado nesse lugar este domingo...

Rui disse...

Maravilhosas (como sempre) estas fotos de um "minimalismo" anunciador de "fim de festa", fim de época balnear ! ... como que a dizerem,... até ao ano ! :)

Meu Velho Baú disse...

Fotos lindas e relaxantes ....contrariando o flagelo dos incêndios que se propagaram em várias zonas do nosso País:((

luisa disse...

GM,

Apesar do vento, o dia por cá foi bonito. Mal imaginava eu o horror que se vivia noutras paragens.

Rui,
Acabou a época balnear mas os passeios pela praia podem manter-se. :)

Meu Velho Baú,
É tão triste isto o que se passou com os incêndios.

Ricardo Santos disse...

Gosto de Todas ! :)

Isabel Pires disse...

Luísa, a da concha e as das gaivotas estão particularmente bonitas!

luisa disse...

Ricardo,
Obrigada! :)

Isabel,
Confesso que, neste lote, a minha preferida é a da concha. :)

AC disse...

És uma excelente fotógrafa, com sensibilidade de poeta...
Parabéns!