terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Olhando o mar


Caminha a passos largos em direção à beira da falésia. Aí chegado para e fica a observar o mar. Veste uma camisa de xadrez em que predominam o azul e o branco. No topo da falésia está também um grupo de turistas francófonos. “Regarde… c’est magnifique!” O homem mantém-se no seu posto, indiferente aos admiradores estrangeiros que se encantam com o recorte da costa e à fotógrafa amadora que se esforça por captar o melhor ângulo da rebentação das ondas sobre os rochedos. Mantém-se imóvel enquanto o vento e o sol lhe acariciam a face. Não precisa de partilhar a sua admiração pela paisagem com ninguém. Não precisa de a fixar em megapixéis. Apenas fica ali, sereno, olhando o mar.

9 comentários:

Arco Iris disse...

E como é bom e gratificante " olhar o mar "

Rui Pascoal disse...

Ça c'est super!
:)

Vane M. disse...

A imagem com certeza fica bem guardada na memória. Um abraço!

Graça Sampaio disse...

Que bom! Só olhar o mar... Mas gosto mais de o fazer no verão quando está azul, límpido e sereno. ADORO!!!

Beijinhos

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Podia ser eu...

vieira calado disse...

Olhar o mar é isso.
não precisa mais nada!

Bjssss

Pedro Coimbra disse...

Estava a pensar que ia ter outro final.
Confesso a surpresa.

Pérola disse...

E são estes momentos que fazem valer a pena e dão cor à vida.

Um beijinho com cheiro a maresia.

Rui da Bica disse...

Será que haverá melhor terapia que ficar sereno e concentrado a apreciar o mar, lá longe ou a bater nas rochas sem pensar em mais nada ? ...
Quantas vezes fiz isso, mesmo dentro do carro ! ...

É bom ter o mar por perto ! :))
beijinho, luisa ! :))
.