quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Verdes são os campos


Verdes são os campos, da cor do limão...
Assim escreveu o poeta e outro ainda cantou. E eu, que não escrevo nem canto, apenas neles fixo o olhar, absorvo-lhes a cor, alegro-me de vida.

5 comentários:

Catarina disse...

que bom seria ter esse verdinho aqui nos meus campos... : )

Anónimo disse...

Alegras-nos...
E o que é aquilo?
Rog

luisa disse...

Catarina,
Noutras paragens, se calhar a cor dos campos é mais o branco da neve... mascá pelos Algarves a erva cresce viçosa. :)

Rog,
Ora ... o que é aquilo... é uma bocadinho de campo, ali à beira do caminho. Se queres pormenores botânicos... jà não te consigo ajudar... erva azeda? será?

AC disse...

Luísa,
Quando alguém escreveu ou cantou, foi com a intenção de procurar cumplicidade. Como tal, missão cumprida! :)

Beijo :)

Isa GT disse...

Aqui nem a geada estragou o verde... continuam verdinhos :)

Bjos