segunda-feira, 19 de outubro de 2015

Pessoas, palavras e flores


A convivialidade à volta da mesa é uma coisa bem nacional. E foi assim, num mundo bem português, que estive no convívio.  

Trouxe de lá pessoas de que não me irei esquecer, palavras que ouvi e outras que vou ler, uma flor de jardim para perfumar o sentido do amizade, da diferença e do respeito. 

8 comentários:

Pedro Coimbra disse...

Será muito complicado poder alguma vez estar presente

Majo disse...

~~~
~ ~ Fico feliz por todos os participantes,
mas na verdade, a amizade já existia antes.

~~~~~ Dias aprazíveis e felizes. ~~~~~
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Meu Velho Baú disse...

Pessoas, palavras , flores
Todas elas têm o seu encanto
:)

Paulo Abreu e Lima disse...

Já participei em alguns (poucos) encontros desses. Correm sempre muito bem, o pior é se depois (mais tarde) alguém se zanga. Haja respeito e alguma sorte.

Rui Espírito Santo disse...

Há amizades virtuais que se perdem e ainda bem que finalmente se perdem !
... e ainda bem, porque normalmente saem muito mais reforçadas com Amizades reais ! ... Foi o caso, Luisa !
Quão grato foi o enorme prazer de te conhecer, depois de tanto te admirar os teus passeios ao domingo (e não só) ! :)

Um beijo, minha Amiga !
:*

Isabel Pires disse...

Tenho uma igual, Luísa!
Beijo

Ricardo Santos disse...

Estou com o Rui companheira do lado esquerdo de almoço. Foi um prazer enorme conhecer-te !

Kok disse...

Olá "vizinha". Neste domingo bem passado em excelente companhia não podia deixar de sublinhar o prazer de te conhecer e também a circunstância de termos ficado "aparelhados" à mesa.
Como disse, foi um excelente encontro levando-nos à transformação das amizades virtuais em amizades reais.
Não admira pois a vontade de repetir.
Um grande beijo com muitos sorrisos