terça-feira, 28 de maio de 2013

A culpa tecnológica

Será tarde demais para o correio analógico? Como é possível que a geração mais tecnológica e conectada de sempre não saiba como endereçar uma carta? Essas são as perguntas feitas por um pai que acaba de descobrir que o seu filho, excelente aluno e a terminar o ensino secundário, não o sabe fazer. 

12 comentários:

Teté disse...

Desconfio que não será caso único... Será que as crianças e adolescentes portugueses de hoje sabem endereçar uma carta?!? Hummm... não tenho certeza disso. :)

Beijocas!

quem és, que fazes aqui? disse...



Pois!!! Aqui há uns anitos era do programa de Português, no unificado, essa aprendizagem. Lembro-me de levar para as aulas uns blocos de folhas de carta e respetivos envelopes para que os alunos escrevessem uma carta a quem quisessem.
Com as novas tecnologias, tudo o que dava trabalho foi banido. Hoje, dominam as teclas e, com toda a franqueza, a caligrafia é tão má que, muitas vezes e à mistura com os erros ortográficos e abreviaturas, não consigo ler e perceber o que escreveram!!!
E, assim, vamos, Luísa!

Beijo

Laura

Rui da Bica disse...

Sobre a péssima caligrafia, critiquei há tempos um meu neto.
Resposta: para quê melhor, se eu nunca irei escrever à mão ? ...
...aaaahh !?

beijinho ! :))
.

Rosa dos Ventos disse...

Quando me aposentei ainda ensinava alunos/as a escrever e a endereçar cartas...e não foi há tantos anos como isso! :-))

Abraço

redonda disse...

Eu pensava que não era obrigatório colocar o nome e endereço do remetente :)

Rui Pascoal disse...

A Escola não pode ensinar tudo...
:(

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Infelizmente isso é muito vulgar hoje em dia, Luisa...

Pedro Coimbra disse...

Era interessante fazer uma pequena sondagem junto de jovens com menos de 20 anos e perguntar quantos escreveram uma carta na vida deles.
Gostava de ver os resultados, embora os consiga em boa medida intuir.

Naná disse...

Caramba... nem nos apercebemos por vezes do quanto a tecnologia ocupa a nossa vida e nos foi afastando de tanta coisa, modos de fazer.

E eu gosto tanto de endereçar cartas e mandá-las pelos correios!

Blondewithaphd disse...

Palavras para quê...?

Laura Ferreira disse...

É tão bom enviar cartas..

Graça Pereira disse...

Cartas? Nem um bilhete!! Mandam sms e...com erros! Não souberam fazer uso correcto da novas tecnologias...Mas alguém os terá ensinado?
Beijos e bom fim de semana.
Graça