quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

O polícia sinaleiro

Em certos dias, a rotunda tem um polícia sinaleiro a comandar o trânsito. Nunca percebo bem porque motivo, nesses dias, ele está ali. Não consigo ver grande diferença na fluidez do trânsito. Se calhar é apenas um exercício de treino. O facto é que não sei se prefiro que esteja um polícia sinaleiro na rotunda ou não. A vantagem é não ter que me preocupar com o momento certo de entrada na rotunda. Só entro quando ele manda e sigo descansada porque os outros condutores foram mandados parar. Só que o ritmo frenético com que o polícia gesticula, ordenando aos condutores, a quem está a dar a vez de passarem, que acelerem, me deixa um tanto nervosa. Está uma pessoa parada na fila por longos minutos e depois, de um momento para o outro, é-lhe dada ordem de marcha com apito e frenesim. Ora para fazer o carro corresponder à instrução há que acelerar, e bem. E é isso que me faz confusão: acelerar que nem uma doida, logo frente a um polícia.

13 comentários:

Ricardo Santos disse...

Polícia Sinaleiro

AC disse...

As fardas intimidam sempre, dê lá por onde der.
Naquela rotunda, com o polícia sinaleiro, deve cá ser um gastar de pneus!!! :)

Beijo :)

Catarina disse...

Às vezes tb vejo um polícia sinaleiro – não em rotundas porque não temos rotundas – e por falar em rotundas, Portugal não é o país com mais rotundas na Europa? – mas como ia dizendo, o polícia que faz de polícia sinaleiro fica no meio do cruzamento quando falta a luz. E apenas, de uma maneira geral, em cruzamentos de grande movimento. Nos outros, nós nos entendemos, dando prioridade a quem a tem. E assim vamos seguindo caminho! : )

Teté disse...

Já não há polícias sinaleiros como outrora, que pareciam dançar nos seus palanques, com aqueles chapéus brancos... Eram outros tempos e esses não tinham assim tanta pressa! :)

Beijocas

Nada disse...

Deve ser um género de praxe ou castigo...mandar o fulano que fez asneira para a rotunda

Pedro Coimbra disse...

Havia um muito famoso em Coimbra, o Raul.
Mais conhecido por Eléctrico
Um verdadeiro espectáculo a comandar o trânsito!

Rui Pascoal disse...

Se a Luisa está assim, imagine o polícia...
:)

Rui Espírito Santo disse...

isto fez-me lembrar dos antigos polícias sinaleiros nos principais cruzamentos das grandes cidades, ainda sem semáforos ! rsrs
Alguns deles, com os seus gestos e movimentos constituíam autêntico espectáculo e eram falados por isso ! :))
Não sabia que ainda havia locais onde permanecem ! :))))

Bj.
.

Existe Sempre Um Lugar disse...

Olá, Luísa!
por vezes acontece encontrar a policia a comandar o transito na rotunda do hospital de faro, esta é, a que se refere? quando a encontro o transito fica engarrafado.
Abraço
ag

Arco Iris disse...

Pensava que já não existia....
Lembro-me perfeitamente dos antigos, as suas mãos parece que dançavam.
:)

Tétisq disse...

uma infracção de vez em quando apimenta o dia-a-dia...

luisa disse...

Não é um polícia sinaleiro como os de antigamente e não usa o capacete branco como aquele que nos mostra o vídeo sugerido pelo Ricardo Santos. É um polícia de trânsito e chamei-o de polícia sinaleiro por ser essa a função que ali se põe a desempenhar: regula o trânsito. Enfim... como refere o António Gomes (Existe sempre um lugar)é mais para engarrafar o trânsito. E é esse mesmo da rotunda do hospital. Se bem que hoje estava a "regular" o trânsito não nessa mas na do Teatro Municipal. :)

Ana disse...

tenho tantas saudades de ver um policia sinaleiro:)