quarta-feira, 27 de junho de 2018

Jovem e bonita


Há de explicar-me qual é o seu segredo para se manter assim, sempre jovem e bonita, diz-me o respeitável senhor, de barba já toda branca, que eu não via há bastante tempo. Agradeço-lhe o elogio lançado de passagem enquanto nos cumprimentamos mutuamente e seguimos caminho, cada um no seu passeio, em lados opostos da rua.

Descontada a distância que nos separa e a mais que certa falta de vista dele, a conversa fiada não deixa de ajudar ao faz-de-conta e sempre ajuda a alegrar o dia.

12 comentários:

  1. Hummm merecidos :))


    Por motivos profissionais, passo em vez do Gil... Lembrando o amor do passado

    Bjos
    Votos de uma óptima Noite.

    ResponderEliminar
  2. Acho que devias ter respondido ao respeitável senhor, de olhar de lince, que o teu segredo é estar de bem contigo e com os outros, Luísa. Em suma; ser ( e fazer ) feliz!! :)

    Beijinhos. :)

    ResponderEliminar
  3. Um elogio sabe sempre bem, seja ele qual for :)

    ResponderEliminar
  4. Os elogios sabem sempre bem...coincidência, hoje também eu recebi um com as mesmas palavras, de um senhor meu amigo e mais novo do que eu, não se víamos à uns 6 anos.

    Beijinho Luísa

    ResponderEliminar
  5. Se calha era uma mera constatação e a Luísa está a ser modesta. O senhor apenas disse o que pensava.
    Os elogios que surgem espontâneos e sinceros alimentam-nos por inteiro, não se limitam ao ego. Fazem falta. É pena que nos esqueçamos com frequência de os usar, talvez por termos perdido essa espontaneidade quase infantil. Depois há a panóplia dos que não interessam: são invejosos, forçados, graxistas, mentirosos.

    ResponderEliminar
  6. Palavras dessas caem sempre bem !!:)

    Beijos e um dia excelente!

    ResponderEliminar

  7. Minha querida Luisinhamiga

    Já está na Travessa o n.º 6 da saga É DIFÍCIL VIVER COM UM IRMÃO MONGOLÓIDE que desta feita leva o título Um vândalo mentiroso e traiçoeiro. Este texto tem imagem muito difícil, não aconselhável a pessoas sensíveis.

    Voltarei depois para comentar.

    ResponderEliminar
  8. Há pessoas que tem a capacidade de nos dizer doces mentiras de forma tão educada e discreta, que não parecem nem atrevidas, nem bajuladoras. É uma arte das pessoas normalmente muito bem educadas, que sabem cativar quem as rodeia, e que conseguem com esses pequenos elogios quebrar o gelo de uma funcionária mal disposta nas Finanças, conseguirem o melhor pão na padaria ou contornar o muro de cimento do "call center" de uma empresa de telecomunicações..

    Bjos

    ResponderEliminar
  9. Rejane,
    Sim… O ego precisa. :)

    Larissa,
    Todas as pessoas merecem. :)

    Janita,
    Tens razão. Mais do que a beleza física, mais do que um rosto e um corpo jovem, importa a beleza da aceitação de si e dos outros e o procurar ser feliz (seja lá o que isso é). :)

    GM,
    Sabe bem, sim senhora. E é coisa que todos deveríamos praticar. :)

    Adélia,
    Valham-nos os senhores amigos e simpáticos. :)

    Bea,
    É verdade, deveríamos elogiar mais vezes. Elogios sinceros, não elogiar só por graxa.

    Cidália,
    Apanhemo-las… Não as deixemos cair. Até porque não são assim tão frequentes. :)

    Gracinha,
    Favorece a boa disposição. :)

    Manuel Veiga,
    Hum… Não chegou a ser crime, não… :)

    Henrique,
    Lá passarei.

    LuisY,
    Uma arte ou um dom. Mas lá está, todos deveríamos treinar essa capacidade de sermos sinceramente amáveis uns com os outros. A vida seria bem mais fácil.

    ResponderEliminar