quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Auxiliar de memória


Reencontrei há pouco o meu livro de autógrafos. Devia ser moda nos idos anos 80, porque me lembro de eu e os meus amigos trocarmos autógrafos, um pouco como os miúdos trocam cromos.
Pequenas dedicatórias que me fazem hoje recordar de pessoas que há muito não lembrava. Para onde as terá levado a vida?

Sem comentários: